Campanhas

Case SINPRO

"Qualidade de Ensino passa também pelo respeito aos direitos dos professores"

 

« VEJA AS PEÇAS

 

PANORAMA INICIAL:
O SINPRO (Sindicato dos Professores de Escolas Privadas de Sorocaba e Região) tinha necessidade de divulgar a nova campanha do CONTEE - (Confederação Nacional dos Trabalhadores de Estabelecimento de Ensino) - "EDUCAÇÃO NÃO É MERCADORIA".

A campanha tinha o objetivo de conscientização voltada para a sociedade, em especial aos pais e alunos de escolas particulares.


A fundamentação foi mostrar que a "qualidade de ensino passa também pelo respeito aos direitos dos professores".

É fato que a educação passa por um momento de mudanças, o que exige a participação mais efetiva de todos os envolvidos - pais, alunos, professores e escolas - para se obter melhor qualidade de ensino e a construção de uma sociedade mais justa e solidária.

A campanha também visava alinhar os interesses do SINPRO com os do CONTEE, provendo assim uma força maior na mensagem e além de proporcionar maior penetração no meio.

Com a proposta de início das veiculações para os três meses que antecediam a convenção nacional da categoria, elaborou-se um planejamento de comunicação para que as metas fossem atingidas.

 

METAS:
Impactar pais, alunos, professores e trabalhadores do ensino, bem como a comunidade em seu aspecto mais amplo. Afinal a escolha de um estabelecimento de ensino passa pela aprovação dos pais dos alunos e dos alunos em si.
Levar aos pais e alunos alguns parâmetros importantes na escolha do estabelecimento de ensino.


SOLUÇÃO:

Foram realizadas diversas peças de criação. A proposta foi atingir primeiramente o público pelo aspecto emocional, estabelecendo assim uma empatia e uma abertura aos conceitos racionais que seriam esclarecidos na segunda parte da campanha.

Para isso foi desenvolvido um vídeo de baixo custo com aproximadamente 3min. de duração e com a finalidade de ser viral. Totalmente realizado com fotos e textos, visava explorar conceitos a respeito do futuro do homem em seu processo de aprendizado. O vídeo ficou hospedado no YouTube através de e-mail marketing e uma comunidade no Orkut.

Através de um hotsite colocamos o target diretamente em relação com a campanha abrindo para eles uma possibilidade de interagirem através de enquetes e fórum.

Todo um conjunto de peças para mídia impressa foram elaboradas, peças essas que entraram de cunho didático para ir fixando os conceitos que eram necessários de serem transmitidos ao público.
Jornal, revista, outdoor e cartazes formavam o mix de mídia gráfica responsável a esse sentido.

O rádio foi utilizado de mídia de massa fazendo uma pulverização da mensagem.


RESULTADOS:

Os resultados superaram as expectativas, que puderam ser constatados nos fóruns e enquetes com uma média de 4.500 visitas/mês gerando assim um recall importantíssimo para a imagem do SINPRO perante os professores e a comunidade.